Orçamento Rápido

Aprenda a fazer um intercâmbio gastando pouco

Você já deve ter procurado muitas agências, visto vários orçamentos e até pesquisado em escolas, mas mesmo assim, ainda não conseguiu fechar o seu intercâmbio, certo?! Isso é completamente normal, afinal, comprar um intercâmbio não é algo simples como ir até a padaria comprar um pãozinho. E é justamente por isso que decidi escrever esse texto, quero te ajudar a entender que se você tiver um planejamento e fizer as escolhas certas, além de economizar no seu intercâmbio, vai ter uma experiência incrível, afinal, existem intercâmbios para todos os bolsos e você vai encontrar um que se adapte ao seu!

 

É muito importante que você entenda que o intercâmbio é um “pacote”que inclui escola, acomodação, passagens aéreas, passaporte, visto, seguro saúde e comprovação de renda, e cada um desses itens vai influenciar bastante no valor total do seu programa, por isso a importância de definir bem os seus objetivos e começar a planejar com antecedência, pois só assim você vai fazer o seu intercâmbio caber direitinho no seu bolso. 

 

Duração do intercâmbio: Quando você começar a planejar o seu intercâmbio, a primeira coisa que você tem que fazer é pensar na duração (que pode variar de 1 semana a 1 ano), e é você quem vai definir esse período de acordo com as suas necessidades. Lembrando sempre, é claro, que a duração do seu programa vai ter total influência no valor total, já que um intercâmbio de 4 semanas será bem mais em conta que um de 24, por exemplo. 

 

Data de embarque: Talvez você não saiba, mas muitas escolas cobram um suplemento de alta temporada dependendo da data que você quer embarcar e o valor do seu curso pode chegar a custar até o dobro nessas datas, portanto, fuja delas. 

 

Outro ponto importantíssimo para você levar em consideração quanto a data do seu embarque são as passagens aéreas, que costumam ter um aumento significativo nos períodos de alta temporada, sem falar que se evitar esse período e comprar as suas passagens com antecedência você vai economizar bem mais por ter mais tempo para pesquisar e garantir os melhores preços. 

 

Antecedência na compra: Qualquer compra que você faça de forma planejada vai te proporcionar uma economia, e com o intercâmbio é a mesma coisa. Todos os anos as escolas passam por reajustes, portanto, se você comprar o seu intercâmbio com um ano de antecedência, pode garantir os preços sem reajuste. Exemplo: você pode fechar o seu intercâmbio agora em 2020 e embarcar em 2021 com preço de 2020, por exemplo.

 

Pagamento parcelado: Além de ter mais opções de parcelamento ao fechar o seu intercâmbio com antecedência, você garante também o congelamento do câmbio. Vamos supor que você fechou o seu intercâmbio em um câmbio de $2,96 e ele teve uma alta para $3,96, nesse caso, o seu valor é mantido, pois a maioria das agências oferece o congelamento do câmbio, e isso ajuda muito na sua economia no valor total. 

 

Destino: Você sabia que a escolha do destino pode influenciar no valor total do seu programa? Sim, e muito! O valor de um destino pode ser extremamente diferente do outro, portanto, vale a pena pensar em segundas opções caso o seu destino escolhido esteja acima do seu orçamento. É claro que você não precisa desistir dele, mas você pode fazer um intercâmbio para outro destino agora, voltar, recolocar-se no mercado de trabalho e investir em um intercâmbio um pouco mais caro depois. 

 

Escola, acomodação e curso: A escola e a acomodação também impactam bastante no valor total do seu intercâmbio. Geralmente acomodar-se em casa de família acaba sendo mais em conta por oferecer café da manhã e jantar (na maioria das vezes); Quanto à escola, os preços variam de acordo com a creditação que a escola tem no mercado, sua localização e também o número de brasileiros, e essa escolha vai depender muito do que você busca. É claro que queremos estudar na escola mais bonita, mas o mais importante mesmo é escolher uma escola com um ensino de qualidade; Quem não quer estudar perto? Mas já pensou que ficando em uma escola um pouco mais distante você pode economizar.

 

A carga horária também vai impactar no seu orçamento (é mais comum os alunos optarem por cursos de segunda a sexta-feira, 3 horas por dia, que é a opção mais em conta, mas há muitas opções de acordo com a necessidade de cada aluno). O horário também deve ser analisado cuidadosamente, pois cursos no período da manhã são mais caros, e optar por um curso no período da tarde ou noite, por exemplo, pode te fazer economizar bastante. 

 

Visto e comprovação de renda: Gastos com vistos também podem ser evitados caso você opte por países sem visto, como África do Sul, Malta, Inglaterra e Irlanda, por exemplo. É importante lembrar que em alguns desses países é necessário a comprovação de renda, portanto, vale a pena pesquisar quanto você vai gastar de taxa consular para aplicar para o visto e de quanto será a comprovação de renda.

 

Acredito que o seu maior objetivo seja fazer o intercâmbio, portanto, mesmo que tenha que adaptar algumas coisas para ele caber no seu orçamento, não deixe de viver essa experiência. Fazendo as escolhas certas e adaptando um pouco o seu sonho à sua realidade, você vai sim realizar o sonho do intercâmbio e viver a melhor experiência da sua vida! Faça o teste!

Deixe seu Comentário